Sobre o autor

Thaís Ferreira

Redatora especialista na área da saúde e bem-estar.

5 tipos de medicamentos que causam queda de cabelo

Embora os medicamentos sejam tomados para tratar de problemas de saúde específicos, eles também podem interromper o funcionamento normal dos folículos capilares, que são responsáveis ​​pelo crescimento do cabelo. Abaixo listamos os principais tipos de medicamentos que causam queda de cabelo. Confira!

A queda de cabelo induzida por medicamentos, ou que se desenvolve como efeito colateral de um medicamento, geralmente ocorre três meses após o início da medicação, mas o prazo exato depende do medicamento e do tipo de queda de cabelo. A gravidade da queda também depende da dosagem, bem como da sua sensibilidade a esse medicamento. 

A causa dos fios caírem por remédios, se chama eflúvio telógeno. O eflúvio telógeno ocorre quando os folículos capilares estão na fase de repouso e faz com que o cabelo caia muito cedo. É importante observar que, embora a queda de cabelo possa parecer onipresente nos rótulos de advertência, é na verdade um efeito colateral relativamente raro e muitas pessoas não sentirão isso.

Quais os medicamentos podem causar queda de cabelo ? 

Anticoagulantes

Os anticoagulantes ajudam a prevenir os coágulos sanguíneos que se formam no coração ou nos vasos sanguíneos e podem causar um ataque cardíaco ou derrame. Embora importantes para a saúde cardíaca, certos medicamentos anticoagulantes, como heparina e varfarina, podem causar queda de cabelo.

Anticonvulsivantes

Outra causa potencial de queda de cabelo são os medicamentos anticonvulsivantes. O anticoagulante, a varfarina, é um deles. 

Anti-hipertensivos

Uma dúvida comum é se os medicamentos para pressão arterial podem levar à alopecia, e a resposta é sim, embora isso provavelmente seja uma queda de cabelo temporária.

Os seguintes beta-bloqueadores, que são frequentemente usados ​​para tratar a hipertensão, têm sido associados à queda de cabelo: metoprolol, timolol, propranolol, atenolol e nadolol.

Os inibidores da ECA, que são desenvolvidos para ajudar a relaxar as veias e artérias e reduzir a pressão arterial, também podem causar queda de cabelo. Os exemplos incluem lisinopril, captopril e enalapril. 

Medicamentos para baixar o colesterol

Embora as estatinas tenham sido projetadas para reduzir os níveis de colesterol reduzindo a produção de colesterol pelo fígado, há uma pequena chance de que elas possam levar à queda de cabelo em algumas pessoas. 

A sinvastatina e a atorvastatina são duas drogas específicas a serem observadas.

Estabilizadores de humor

Certos antidepressivos usados ​​para tratar a depressão e a ansiedade também são conhecidos por causar queda de cabelo. Drogas específicas incluem:

  • Cloridrato de paroxetina;
  • Sertralina;
  • Protriptilina;
  • Amitriptilina;
  • Fluoxetina.

Vitamina A

Embora a vitamina A promova visão, reprodução e sistema imunológico saudáveis, altas doses e medicamentos derivados dela podem tornar as pessoas suscetíveis à queda de cabelo. Por exemplo, o popular medicamento para acne isotretinoína é derivado da vitamina 

Além da lista de remédios acima, existem certos medicamentos que causam queda de cabelo especificamente em mulheres.

Os anticoncepcionais orais e as terapias de reposição hormonal podem gerar alterações hormonais que podem causar queda de cabelo. Estrogênio e progesterona, especificamente, têm sido associados ao eflúvio telógeno e à calvície feminina.

Homens que tomam certos hormônios também são suscetíveis à queda de cabelo temporária e permanente. Os esteróides anabolizantes para a construção muscular e a terapia de reposição de testosterona, frequentemente utilizados para tratar a baixa testosterona, têm sido associados à queda de cabelo em homens.

E agora? O que devo fazer? 

A boa notícia é que o cabelo volta a crescer! A queda de cabelo induzida por drogas geralmente é reversível depois que você pára de tomar o medicamento que causa queda de cabelo. 

A primeira etapa é revisar seu histórico médico, medicamentos e progressão da perda de cabelo com seu médico.

RECEBA OFERTAS E NOVIDADES DA CAPELLUX POR E-MAIL

Inscreva-se e receba notícias e ofertas exclusivas.

    4 Comentários

    1. Avatar Antonia Costa disse:

      tenho queda de cabelos ,
      o que devo fazer?

    2. Avatar Roseli Citron disse:

      Tenho esclerodermia fribrosante frontal, estou fazendo tratamento, mas a queda de cabelos continua.

      • Thaís Ferreira Thaís Ferreira disse:

        Olá, Roseli!
        Temos um conteúdo bem interessante, assinado pela dra. Anna Cecília, que fala sobre o seu tratamento em específico. Clique no link e confira!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *