Sobre o autor

Thaís Ferreira

Redatora especialista na área da saúde e bem-estar.

O cabelo e o empoderamento

O cabelo têm sido sujeito a estigma social e preconceito ao longo do tempo. Por esta razão, se olharmos um pouco para a história, podemos ver como suas mudanças e evolução têm caminhado lado a lado com o empoderamento feminino.

O cabelo tem sido nosso maior símbolo de poder, porque por meio dele fomos capazes de refletir nosso verdadeiro eu. Da mesma forma, expressamos nossa aversão às pessoas “socialmente estabelecidas” 

São muitos séculos sem nos conhecermos, o que nos levou a nos uniformizar. Querer nos ver todas da mesma maneira. Ter medo de ser diferente, de não se encaixar em um grupo, de ser retraídas socialmente. 

São muitos anos de paradigmas e esquemas que moldaram nossas mentes para pensar e fazer as coisas de determinada maneira. São muitas gerações deixando um legado cheio de medo, dor, resignação, submissão e dependência.

Com o cabelo não era muito diferente,  o padrão considerado aceitável era sempre o mesmo: cabelo liso e longo.  

Agora está em nossas mãos criar uma visão diferente da feminilidade, uma visão desprovida de preconceitos e cheia de consciência para poder criar gerações de mulheres saudáveis ​​e livres. COM OS CABELOS LIVRES!

O que seu cabelo significa para você?

Quero que pense sobre esse questionamento internamente. É sábido que ele pode representar milhares de coisas.

Muitas mulheres usam o cabelo como forma de comunicação, poder, representatividade do seu lado mais feminino, sensual; aquilo que as faz sentir-se verdadeiramente mulheres.  Outras raspam o cabelo e usam a experiência de vê-lo crescer como uma ferramenta de autoconhecimento.

Oque sabemos é que o cabelo representa personalidade. Ele está muito ligado ao amor-próprio, à autoestima, a como nos vemos e como queremos que sejamos vistas. 

O cabelo está se tornando libertação para muitas! 

Milhares de mulheres estão se libertando com as transições capilares. Processo em que deixam de realizar procedimentos com químicas, como alisamentos e chapinhas, e passam a assumir a naturalidade de seus fios cacheados e crespos.  Isso é libertador!

Ainda existem aquelas que pintam os fios da cor que querem (rosa, azul, verde). Ou então, não colorem, deixam os fios brancos, e são felizes assim!

Seja liso, cacheado,ondulado, curto ou longo – estar com o cabelo do jeito que quiser, nos empodera! 

RECEBA OFERTAS E NOVIDADES DA CAPELLUX POR E-MAIL

Inscreva-se e receba notícias e ofertas exclusivas.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *