11 doenças que causam queda de cabelo

doenças que causam queda de cabelo

Existem muitas doenças que causam queda de cabelo – algumas são fáceis de curar, enquanto outras só podem ser retardadas porque não há cura permanente.

Nós da Cosmedical, reunimos informações sobre algumas das doenças que podem causar perda repentina ou excessiva de cabelo mais comuns. Continue lendo e saiba quais são!

Quais doenças causam queda de cabelo?

1. Transtorno de Estresse Agudo (TEA)

O TEA é um distúrbio psicológico temporário que ocorre principalmente quando um paciente experimenta um evento incrivelmente traumático, como a morte súbita de um ente querido, uma ameaça à sua vida ou um grave acidente ou experiência.

 A turbulência emocional e física causada por esses tipos de eventos pode ser difícil – quase impossível – para muita gente superar. Como mecanismo de enfrentamento, algumas pessoas podem desenvolver tricotilomania, que é o desejo compulsivo de arrancar o próprio cabelo. 

2. Líquen plano

O líquen plano é uma condição grave da pele com muitas variações, cuja causa é geralmente desconhecida. Os sintomas incluem: inchaços vermelhos, cicatrizes e inflamações geralmente ao redor dos pulsos e tornozelos. 

O líquen plano situado no couro cabeludo ou ao seu redor, está diretamente ligado à perda permanente de cabelo por inflamação hiperativa que sufoca os folículos capilares. Às vezes, pode ser difícil distinguir essa doença do lúpus, porque nem sempre a inflamação ocorre e, além disso, os sintomas são quase idênticos.

3. Lúpus

Entre as doenças que causam queda de cabelo, está o lúpus. Uma doença auto-imune na qual o sistema imunológico produz por engano anticorpos que atacam células estranhas nativas e destrutivas saudáveis ​​do corpo, incluindo folículos capilares.  Não há causa conhecida nem cura, mas se detectada precocemente, é altamente gerenciável e tratável.

4. Problemas de tireóide

Existem dois tipos de problemas de tireóide que podem levar à perda de cabelo : hipertireoidismo (tireóide hiperativa) e hipotireoidismo (tireóide hipoativa). 

A tireóide regula os níveis hormonais em todo o corpo. Em média, as pessoas naturalmente perdem cerca de 100 fios de cabelo por dia, uma tireóide hiperativa ou subativa só exacerba e acelera a taxa de queda de cabelo.

5. Doença de Crohn

A perda de cabelo é um dos muitos sintomas associados à doença de Crohn. A doença inflama os intestinos, impedindo assim o sistema gastrointestinal de ser capaz de digerir adequadamente os alimentos e absorver nutrientes e vitaminas vitais que o corpo precisa para funcionar normalmente. 

Portanto, os folículos capilares são severamente privados de vitaminas e nutrientes essenciais que são fundamentais para a regeneração saudável dos cabelos e entram em um estágio de repouso

6. Alopecia areata

A alopecia areata é uma condição auto-imune, o que significa que o sistema imunológico do corpo ataca tecidos saudáveis, incluindo os folículos capilares. Isso faz com que os cabelos caiam e impede o crescimento de novos cabelos.

Essa condição pode afetar adultos e crianças e a perda de cabelo pode começar de repente e sem aviso prévio. O cabelo do couro cabeludo geralmente cai em pequenas manchas e não é doloroso. Pêlos em outras partes do corpo, incluindo as sobrancelhas e cílios, também podem cair. Com o tempo, esta doença pode levar à alopecia total, ou à completa queda de cabelo.

7. Anemia

A anemia por deficiência de ferro ocorre quando seu corpo não possui ferro suficiente em seu sistema para produzir hemoglobina. A anemia pode causar queda de cabelo, mas é mais provável que você sofra com outros sintomas primeiro. 

É improvável que a perda de cabelo seja permanente ou grave. Pode ser facilmente tratada, visitando o seu médico para obter suplementos e alimentos ricos em ferro.

8. Sífilis

A sífilis é uma infecção sexualmente transmissível que pode afetar pessoas sexualmente ativas de qualquer idade. Ela se desenvolve a partir de uma forma de bactéria chamada Treponema pallidum e só é disseminada através do contato direto com uma área infectada.  As feridas podem aparecer na boca da pessoa, no reto ou nos órgãos genitais. 

A sífilis tem quatro estágios: primário, secundário, latente e terciário. Cada estágio envolve seu próprio conjunto exclusivo de sintomas, embora, na maioria dos casos, os sintomas possam não aparecer por muito tempo. 

Perda de cabelo e manchas geralmente ocorrem durante o estágio secundário. No entanto, com a detecção precoce e o tratamento adequado, a sífilis é altamente tratável e, eventualmente, seu cabelo voltará a crescer.

9. HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana)

O HIV é um vírus forte que ataca progressivamente e enfraquece o sistema imunológico. Se não tratada, pode eventualmente evoluir para AIDS (Síndrome de Imunodeficiência Adquirida). 

O HIV não causa diretamente queda de cabelo, mas um dos sintomas é o eflúvio telógeno – uma condição que interrompe prematuramente o crescimento de novos fios, enviando folículos capilares para um estágio de repouso indefinido. 

Os fios de cabelo existentes continuam a cair como normalmente, mas novos cabelos não estão sendo produzidos rápido o suficiente (ou nada) para substituí-los.

10. Síndrome do Ovário Policístico

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 116 milhões de mulheres em todo o mundo sofrem de síndrome do ovário policístico (SOP). 

Esta condição é causada devido a um desequilíbrio hormonal no qual os ovários produzem muitos hormônios masculinos. Isso causa períodos menstruais pouco frequentes ou prolongados e a queda de cabelo. A SOP pode ser tratada com medicamentos, mantendo um peso saudável e comendo uma dieta equilibrada. 

11. Depressão

A queda de cabelo pode ser o resultado de um evento que altera sua vida, como problemas de relacionamento ou problemas financeiros. Muito estresse emocional que levou à depressão pode levar à perda de cabelo temporária. Esta é uma condição temporária que pode ser controlada. 

Ainda tem alguma dúvida sobre doenças que causam queda de cabelo? Deixe sua pergunta nos comentários.

6 Comentários

  1. Sheila disse:

    Meu cabelo está caindo muito não sei o que fazer!!!

    Sheila

  2. Cecília Maria Segal Miranda disse:

    Tenho sudorese, ou hiperidrose. Suo demais no rosto e no couro cabeludo.
    (No meu caso não tão cabeludo assim).
    É possível que isso afete e prejudique o nascimento e manutenção de novos fios? Estou fazendo tratamento com vitaminas e usando o Capellux há 2meses.
    Existe algum tratamento para hiperidrose?
    Obrigada

    • Thais Ferreira disse:

      Olá, Cecília!
      Existem diversos tipos de tratamentos para hiperidrose.
      O ideal é que passe com um médico especialista, para indicação do tratamento mais apropriado para você!

  3. Maria Eugênia disse:

    Muito bom conteúdo!! Já estou inscrita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *